Como escolher os melhores canais de vendas online

29 jan, 2020Guia, Marketplace

Como escolher os melhores canais de vendas online

29 jan, 2020 | Guia, Marketplace

O setor de comércio eletrônico continua a crescer em tamanho e a evoluir junto com as mudanças na tecnologia e nas preferências do consumidor. Saiba, a seguir, como escolher os melhores canais de vendas online:

Muitos clientes estão migrando para novas opções de compra, incluindo: marketplaces, aplicativos para dispositivos móveis, sites de lojas virtuais e mídia social.

A venda em múltiplos canais permite que as empresas alcancem clientes em várias plataformas, onde quer que estejam.

Para permanecer competitivo e aumentar as vendas, os varejistas de comércio eletrônico precisam expandir para canais adicionais com base em seus negócios específicos e estratégia de longo prazo.

Vantagens da venda multicanal

Além de permanecerem competitivos no mercado de comércio eletrônico de hoje, os varejistas descobriram que a implementação de uma estratégia de vendas multicanal oferece os seguintes benefícios:

Novos clientes – Quanto mais lugares seus produtos estiverem, mais fácil será atrair novos clientes. Alguns compradores online preferem comprar em um marketplace específico e tomam decisões de compra com base na disponibilidade desse marketplace. Expandir seus negócios para mercados em crescimento aumenta sua oportunidade de obter novos negócios

Novas opções para clientes atuais – Você não deve apenas conquistar novos clientes, mas também precisa fornecer, aos clientes existentes, novas maneiras de comprar seus produtos, melhorando assim a experiência de compra. Os clientes gostam de ter opções e flexibilidade para comprar – a venda multicanal permite que você forneça isso a eles.

Novos fluxos de receita – Com melhor visibilidade em diferentes canais, você tem mais potencial de crescimento de receita. A venda multicanal permite implementar uma estratégia de marketing personalizada para cada canal individual, onde as preferências do consumidor podem ser diferentes.

No passado, expandir um negócio de varejo significava passar por um processo parecido com o de abertura de uma nova loja de tijolo e argamassa. A internet tornou tudo muito mais simples e econômico para as empresas crescerem.

Perceber a necessidade de expandir para vários canais de vendas é o primeiro passo. O próximo, é decidir exatamente quais são os melhores canais de vendas para o seu negócio.

Existem dezenas de plataformas por aí. Portanto, decidir em qual delas focar, é fundamental. Abaixo apresentamos 4 canais de venda para investir no comércio online.

melhores canais de vendas

4 principais tipos de canais de vendas para comércio eletrônico

Existem muitos canais de vendas a serem considerados. A seguir, cinco dos canais de vendas mais populares disponíveis para os vendedores:

1. Marketplace gerais

Um marketplace geral é um bom lugar para vender itens com apelo de massa. Eles oferecem uma ampla gama de produtos e atraem muitos tipos diferentes de clientes, como o Mercado Livre.

Existem muitos benefícios em vender nesses marketplaces. Seus dois principais benefícios são a credibilidade e o grande público. No entanto, a maior desvantagem é a incapacidade de criar uma marca.

Os clientes que compram produtos na Amazon, por exemplo, normalmente não associam a compra ao vendedor, mas ao marketplace. Esse tipo de canal de vendas dificulta a criação de uma marca memorável e o relacionamento de longo prazo com os clientes.

Outra desvantagem é o número de requisitos, regras e taxas estabelecidos pelo marketplaces. Muitos têm restrições sobre os tipos de produtos vendidos. Além disso, se você vende produtos exclusivos ou de nicho, um marketplace geral pode não ser um bom caminho.

2. Marketplace de leilão

‍O marketplace de leilões mais popular é a eBay. Os leilões são perfeitos para itens colecionáveis, itens raros ou para a venda de produtos em quantidades únicas.

A maioria dos marketplaces de leilão não cobra taxas de listagem e o custo do vendedor é feito por comissionamento – ou uma percentagem do preço de venda.

Lembre-se de que as vendas nesse tipo de marketplace podem ser mais lentas do que em um marketplace geral. Você também pode perder dinheiro com o produto, se ele não receber atenção suficiente.

3. Mídia social

Existem várias maneiras diferentes de vender produtos nas mídias sociais. De uma loja do Facebook a pinos compráveis no Pinterest, a venda no social pode ser vantajosa, pois não exige tanto esforço quanto um novo site ou marketplace.

Se você possui muitos seguidores de mídia social, esse tipo de canal de vendas pode ser uma ótima opção para gerar receitas rapidamente.

4. Site de compras próprio

Se você estiver pronto para criar sua marca, talvez seja hora de investir em sua própria loja virtual. Ter o seu próprio site de compras significa que você não precisa lidar com restrições, taxas e regulamentos do mercado.

É claro que criar e manter seu próprio site pode consumir muito tempo. Lidar com o design, a funcionalidade e a segurança geralmente é um trabalho em tempo integral!

Embora você não precise lidar com taxas, atrair o tráfego certo para um novo site pode ser mais dispendioso do que alavancar o tráfego existente para um marketplace.

Embora investir em sua própria loja online possa exigir mais recursos, os benefícios a longo prazo são muito maiores do que depender de um marketplace, o que torna sua própria loja na web um dos melhores canais de vendas disponíveis.

Indo para a venda multicanal

Independentemente do canal de vendas escolhido, os fatores determinantes para fazer uma escolha sólida permanecem os mesmos: modelo de negócios, marca, fornecedores de pagamento, metas futuras e produtos.

Quando você leva esses pontos em consideração, é fácil encontrar os melhores canais de vendas, o que favorece o sucesso do seu negócio.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pin It on Pinterest